Valmir Hisgué vence última etapa e Beto Monteiro é campeão brasileiro

A Fórmula Truck tem um novo campeão brasileiro: o pernambucano Beto Monteiro, que conquistou o título da temporada 2013 em uma emocionante corrida disputada, no dia 8 de dezembro, por 25 pilotos, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF). Foi uma corrida festiva para a Scuderia Iveco, que viu ainda Valmir Hisgué Benavides levar a quadriculada da vitória do GP Petrobras na primeira posição.

Beto Monteiro fez uma corrida toda de recuperação, desde o início. O piloto largou do fim do grid e ainda precisou passar pelos boxes por excesso de velocidade no ponto do circuito onde o radar limita a velocidade dos caminhões a 160 km/h.

Mas deu tudo certo na segunda metade da corrida: com muitas ultrapassagens e contando também com os abandonos de Régis Boessio, Felipe Giaffone e, já no fim da corrida, de Leandro Totti, o campeão nem precisou terminar entre os três primeiros para levar a taça para casa. Na última volta, tirou o pé e deixou Djalma Fogaça ganhar a terceira colocação. Com o título, o piloto da Scuderia Iveco repete o feito de Leandro Totti ao levar não só o título sul-americano da Fórmula Truck como também o brasileiro. O piloto da RM Competições-MAN Latin America, Totti, ficou desta vez com o vice. Régis Boessio terminou o ano em terceiro lugar e Felipe Giaffone foi o quarto.

Equipe Lucar Motorsports
Segundo o piloto paulista Luiz Lopes, patrocinado pelo jornal O Retrato, revista Em Dia e L&L Veículos, a corrida foi de muitas quebras. “Larguei em 13º lugar, quando estava na décima colocação o caminhão começou a aquecer e tive problemas com a temperatura muito alta. Quando faltavam apenas 15 voltas, a parte de aquecimento estourou e acabei deixando a pista. De 26 caminhões, apenas dez concluíram a etapa”, afirma.

Com relação ao balanço da Truck 2013 para a equipe Lucar Motorsports, o piloto revela: “Infelizmente 2013 foi um ano muito ruim, pois só conseguimos concluir uma etapa durante todo o ano. Mesmo assim, acredito que 2014 renderá bons frutos. Serão realizadas algumas mudanças no regulamento interno, que eliminará o catalizador dos caminhões e, consequentemente, para diminuir a fumaça liberada pela queima do combustível também será necessário diminuir um pouco a potência do veículo”, conclui.

Resultado final do GP Petrobras
- Valmir Hisgué Benavides (SP/Iveco), Scuderia Iveco; - Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport; - Djalma Fogaça (SP/Ford), 72 Sports/Ford Racing Trucks; - Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco; - Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão; - Edu Piano (SP/Ford), Território Motorsport; - Alberto Catucci (SP/Volvo), ABF/Volvo; - Ronaldo Kastropil (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport; - Leandro Totti (PR/Volkswagen), RM Competições-MAN Latin America; 10º- João Marcos Maistro (PR/Volvo), Clay Truck Racing

Fonte:
Fórmula Truck

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

  face