Fernando Haddad apresenta novas mudanças para o Ceret

BRUNO LEITÃO

Na quarta-feira, dia 8, o prefeito de São Paulo Fernando Haddad compareceu ao Ceret (Centro Esportivo e Recreativo do Trabalhador) para divulgar novidades que serão implementadas no parque, visando melhorias aos moradores e frequentadores da região.

Pautas principais do encontro ficaram por conta da remoção de todo o muro que cerca o local para a colocação de um gradil, conforme já existe em outros parques da região, além do projeto São Paulo Mais Iluminada, que vai proporcionar ao local 675 novas luminárias, gerando ao usuário uma maior sensação de segurança, principalmente para aqueles que praticam atividades no período noturno. “Aqui vai ficar muito bonito. Vocês verão a mudança que vai dar, remover o muro e colocar o gradil. Acho que São Paulo tem muro demais, quando deve ter menos. Fizemos isso no Clube Tietê, na Chácara do Jóquei, vocês perceberão conforme for acontecendo. A iluminação fará com que as pessoas utilizem o parque com segurança à noite, além de também facilitar o acesso de bicicletas pela ciclovia. Nem todo mundo pode usar o Ceret de dia. Com este investimento vamos ter um parque que pode ser usado até oito, dez horas, meia-noite”, afirmou Haddad.

Ao longo do mês, a secretaria municipal de Serviços instalará no local 367 pontos de iluminação com lâmpadas de vapor metálico, no total de 675 luminárias. A obra tem duração aproximada de 30 dias e receberá investimentos de R$ 1,3 milhão. As novas lâmpadas são mais duráveis, emitem luz branca, reproduzem melhor as cores e iluminam mais em comparação com as de vapor de sódio.

Segundo o prefeito, o parque não era um parque municipal, e sim do Governo do Estado, por isso não possibilitava investimentos, fato que, agora, foi revertido a favor da população da região. “Por que não investíamos? Não era certo ainda o destino desta área, e como ainda não nos pertencia, não era possível, a própria lei não permitia. Fui então até o governador e disse que, como o destino do parque é continuar como tal, poderiam ser passados os direitos à Prefeitura, por um prazo superior a 20 anos, pois daí a prefeitura poderia investir no parque. Ele entendeu e nos cedeu por 99 anos, permitindo que sejam planejadas muitas melhorias, também a longo prazo”.

O povo fala!
Durante o encontro, moradores da região interromperam o discurso do prefeito para fazer algumas reivindicações, como por exemplo novos aparelhos de ginástica para os idosos e também uma permissão para a entrada de animais, hoje proibidos de circularem no parque. Além de prometer atender aos pedidos, o prefeito também sinalizou com a instalação de internet sem fio no local, recurso que o próprio Haddad considera imprescindível. “O que conversamos aqui poderá ser cobrado, inclusive as cobranças feitas durante o nosso papo. Haverá um espaço PET, novos aparelhos para os idosos, além do Wi-Fi, porque um parque como esse não tem cabimento ficar sem Wi-Fi. Algumas pessoas têm o vício de ficar em um computador ou celular dentro de casa, dentro do quarto. Aqui elas poderão exercer o vício e aos poucos também, quem sabe, trocam os por exercícios ou caminhadas”, finalizou o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *