Como cuidar das roupas de festa

Após usar uma roupa de festa apenas uma vez, tomando muito cuidado, a pessoa chega em casa e guarda o querido vestido (ou terno, casaco) cuidadosamente… Meses depois, quando decide usá-lo novamente, vem a surpresa desagradável: surgiram manchas onde não havia nenhuma sujeira aparente e até pequenos furos apareceram na roupa! Que tristeza é perder uma peça tão estimada!

Para que isso não aconteça, não tem jeito: usou, é preciso lavar. “O que acontece é que resíduos de suor, desodorante, perfume ou mesmo alguma coisa que pingue na roupa atrai fungos, que danificam o tecido”, informa Denice Conrad, diretora industrial de uma empresa especializada na limpeza e manutenção de roupas.

Ela comenta que é muito comum aparecerem camisas masculinas manchadas no colarinho, punhos e axilas, justamente porque foram usadas por poucas horas e não foram corretamente lavadas. “Gravatas também são danificadas, porque alimentos pingam nelas, os homens limpam na hora, com um guardanapo, a sujeira aparente sai, mas ficam resíduos imperceptíveis, que com o tempo cria o bolor que danifica o produto”, lamenta a diretora.

Denice lembra-se de um caso em que uma cliente trouxe um vestido no qual viam-se, claramente, marcas de mãozinhas de criança: a cliente foi tocada por mãos sujas, não percebeu, guardou o vestido e as manchas ficaram mais visíveis quando ele foi novamente passado para o uso. “Deu trabalho, mas essa mancha conseguimos remover, felizmente”, comemora.

Abaixo, Denice dá algumas dicas para que se conservem bem as peças de roupas de festa:

  • Nunca coloque roupas de festa na máquina de lavar, mesmo nas que indicam limpeza delicada. Isso porque os tecidos dessas peças são mais nobres e finos e tendem a esgarçar e rasgar. O ideal é mandar as peças à Restaura Jeans, que possui equipamentos e produtos químicos adequados a cada tecido.
  • Você sabe como fazer um teste de desbotamento de tecido? Não? Então, nem pense em lavar ‘só aquele pedacinho em que caiu um alimento’. Caso você esfregue, molhe ou coloque algum produto de limpeza (mesmo que seja sabão líquido ou em pó) no tecido, ele pode desbotar, criando uma mancha esbranquiçada no local, que danificará permanentemente a peça. Nesse caso, é melhor recorrer à lavanderia.
  • A maior parte das pedras usadas em bordados, as linhas e os brilhos não se danificam na lavagem. Porém, alguns fabricantes, ao invés de costurar as peças, as colam sobre o tecido de maneira inadequada. Quando você resolve lavar a pela por imersão em água, as pedras descolam. É melhor, portanto, na hora da compra, certificar-se de que a peça pode ser lavada.
  • Ainda falando em pedraria, ela pode perder o brilho se forem usados produtos químicos inadequados. Portanto, se você adora sua peça, por que não submetê-la a cuidados profissionais?
  • Na hora de guardar as roupas, tire-as do saco plástico enviado pelas lavanderias (que apenas as protegeram na hora do transporte) e coloque-as em capas de tecido ou TNT, para que elas recebam ar, mas não poluentes ou luz.
  • Não guarde as peças dobradas, mas estendidas em cabides, para que elas não fiquem marcadas. Preferencialmente, coloque-as do avesso.

SERVIÇO:
www.restaurajeans.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

  face