Categoria usa detector de fumaça em Goiânia

O detector de fumaça será testado mais uma vez na quinta etapa da Fórmula Truck, a ser disputada no dia 12 de julho, no Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia. Criado por uma empresa brasileira o aparato tecnológico passou pela primeira prova no Velopark, quando todas as equipes tiveram a oportunidade de usar o novo equipamento, que tem como principal função detectar o excesso de fumaça nos caminhões.

Oficialmente chamado de Sistema de Medição Eletrônica de Fumaça, o aparelho é inédito no mundo e foi criado especialmente para a Fórmula Truck. O detector de fumaça é composto por uma central eletrônica interligada a um conjunto de sensores posicionados no cano do escapamento. Um desses sensores emite uma luz, e o outro a recebe, medindo o que os técnicos chamam de opacidade, que é a propriedade que os materiais têm de absorver a luz.

Quanto menos luz passar, mais opacidade será apresentada. Na prática, isso significa mais fumaça. Dependendo do nível atingido o piloto será punido quando o sistema for implantado definitivamente. Além de armazenar as informações, a central eletrônica repassa os dados imediatamente aos comissários desportivos, que confirmam a penalização do piloto.

SERVIÇO:
www.formulatruck.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

  face