Aluguel cai 0,9% em junho na Capital, segundo Secovi-SP

Os contratos de aluguel residencial assinados em junho na cidade de São Paulo registraram uma redução de 0,9% em junho, em comparação com o mês anterior, de acordo com pesquisa do Secovi-SP (Sindicato da Habitação). Em relação a junho de 2014, o valor de locação acumula variação negativa de 1%, em contraste com a inflação medida pelo Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), de 5,59% nos últimos 12 meses.

“É a primeira vez, desde o início da pesquisa, em 2005, que observamos um resultado negativo no acumulado de 12 meses”, diz Mark Turnbull, diretor de Locação do Secovi-SP. As moradias de um quarto tiveram redução em seus valores locatícios de 1,6% e as unidades de dois dormitórios caíram 0,9% em junho deste ano, comparativamente ao mês anterior. Os aluguéis de imóveis de três quartos apresentaram aumento de 0,4% nesse mesmo intervalo de tempo.

A modalidade contratual mais comum dos aluguéis foi o fiador, responsável por 47,5% das locações efetuadas. O depósito de até três meses de aluguel também foi bastante utilizado: um terço dos imóveis locados usou esse tipo de garantia. O seguro-fiança foi usado por 19% dos inquilinos.

SERVIÇO:
Secovi-SP
www.secovi.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *